terça-feira, 25 de Novembro de 2014


apb agradece

Agradecemos a vossa participação e contributo para a nossa tertúlia comemorativa deste sábado. Agradecemos  a amizade e o empenho do Maratona, Casal Figueira,Pachá-Casa Antero, Audiomanias, Forno do Beco, em especial, aos proprietários do Inferno d’Azenha, que nos abriram todas as portas. Da boa mesa que o Alexandre Correia, a Madalena e toda a equipe confeccionaram, dos produtos da quinta da Verde Caldas da Joana Arroz (terão, por certo, reparado nas flores e nas batatinhas roxas que davam uma graça às saladas e outros pratos de comer também com os olhos), aos vinhos excepcionais Casal Figueira (feitos de uma laboriosa recuperação de castas autóctones "Vital"),o Humus, os da Quinta da Abrigada, a selecção da Casa Antéro, o Cabeça de Toiro da Garrafeira Bago d'Douro aos doces da Maria Clara, à tortilha da Concha, aos mimos do Estrelinha,os queijos as azeitonas à conversa do pintor Rocha da Silva, Pedro Ribeiro e do João Serra, e de outros e outras "tertuliantes" que à capela prolongaram o sentido da festa: o João Arroz, a Marta Soares, a Carolina Rito, a Teresa Perdigão e o Gustavo Sumpta (como esquecer essa interrogação sobre parques de estacionamento que tomam conta de pessoas, cidades e centros culturais...). Agradecemos também a todos os outros que, no labor das pequenas tarefas (aos Pedros, Bernardo e Ribeiro e suas famílias, ao Jorge Feijão e à Sara, à Carina e à Luísa, ao João e Gonçalo e tantos outros), tornaram essa noite tão cheia num espaço que resgatámos ao tempo - o Inferno da Azenha - recuperando memórias, centralidades, artistas e convívios, tertuliando em conversas de amigos. E se um dia, quem sabe daqui a quarenta anos, nos perguntarem o que fizemos nesse sábado à chuva  de Novembro, pegando nas palavras da Teresa Perdigão, poderemos responder, devolvendo pergunta: tertuliámos, e há lá melhor maneira de passar um serão?
Por isso, passem pelo Museu ou pela Casa Bernardo e participem nas nossas exposições para que continuemos a tertuliar por esses serões que hão-de vir. 
Obrigada,

A APB.

terça-feira, 18 de Novembro de 2014

segunda-feira, 17 de Novembro de 2014

Porto Seguro | Inferno da Azenha | 22 Novembro `19.30


















 A Associação P Bernardo organiza no dia 22 de Novembro pelas 19h30m, uma tertúlia comemorativa do seu quinto aniversário, no Inferno d’Azenha. O passado de um espaço que se transporta para o presente, este encontro propõe uma conversa sobre arte, espaço, criação e liberdade. Pedro Ribeiro, Filipe Rocha e Silva e João B. Serra darão início a esta viagem, onde a amizade e a boa mesa certamente nos ajudarão a chegar a um Porto Seguro.


Esta tertúlia nasce na sequência de mares nunca antes navegados pela Associação Bernardo, que a conduziram a um triângulo estranho de "segurança" social, impostos e salários. Pode parecer estranho, mas trata-se de um mundo novo habitado por seres fantásticos e monstros marinhos. Este cabo será ultrapassado em breve, mas necessitamos de fundos para esta missão, e para novas viagens artísticas. De todos, a contribuição e o apoio para o desenvolvimento das actividades da Associação P Bernardo.

Agradecemos desde já a amizade e o empenho de Maratona, Casal Figueira, Audiomanias e, em especial, dos proprietários do 
Inferno d’Azenha, que nos abriram todas as portas de par em par.

As inscrições são limitadas e poderão ser realizadas em:
Audiomanias | A Venda | Pachá | Casa Bernardo
O valor sugerido de participação na tertúlia é de 20€ por pessoa e inclui uma inscrição na Associação P. Bernardo e o que esperamos ser um jantar memorável, não só para o corpo mas em particular para os espíritos.

Inferno d’Azenha
Qta. de Santo António
2500-186 Caldas da Rainha

-- https://www.facebook.com/events/568791009919964/?pnref=story

terça-feira, 11 de Novembro de 2014

quarta-feira, 15 de Outubro de 2014

segunda-feira, 13 de Outubro de 2014

"Colecção Museu Bernardo & +"

vista da exposição "Colecção Museu Bernardo & +"
com obras de Filipe Feijão, João Fonte Santa e Valério Ismaeli